um poema para flexibilidade

Romances bem modernos.

.

Ela namorava uma garota

(por um ano namorou)

Mas aí um dia

Assim, sem mais nem menos

ELA……………………………………………. Deixou de gostar de garotas.

.

Pois bem.

.

Aí então ela namorou um cara

(por um ano namorou)

Era o que restava!

Mas aí um dia

Assim, sem mais nem menos

ELE……………………………………………. Deixou de gostar de garotas.

.

.

.

.

Agora ela ta dando pra mim, ela, a loira. A loira diz que me ama e que adora foder, que sempre gostou. Que gosta (goza) com todo mundo e que goza (gosta) de tudo que é jeito. Agora é pra mim.

Deixe um comentário

Arquivado em folhetins digitais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s